sexta-feira, 27 de abril de 2012

Guardiola deixa Barcelona



No dia 17 de Junho de 2008 foi apresentado o treinador que sucederia ao holandês Frank Rijkaard. Tratava-se de um antigo jogador do clube que até aí orientava a equipa B: Josep Guardiola. Com apenas 37 anos e pouca experiência como técnico, poucos imaginariam que esse dia ficaria marcado como o inicio de uma época de ouro para o clube catalão. Em apenas quatro anos de "reinado" nunca ninguém ganhou tanto: 2 Ligas dos Campeões, 2 Mundiais de Clubes, 2 Supertaças Europeias, 3 Ligas Espanholas, 3 Supertaças de Espanha, 1 Taça do Rei (e ainda vai disputar a final deste ano). Uma equipa que ficará para sempre na história como uma das mais talentosas e dominadoras de todos os tempos.
Ao fim de quatro épocas de sonho Guardiola diz-se desgastado e pede para saír. Os seus pupilos demonstram tristeza pela sua decisão mas tudo o que é bom tem de acabar. 
O seu sucessor será o até aqui adjunto Tito Vilanova.

Sem comentários: