segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Vale a pena sonhar!...


Nada melhor do que iniciar a minha colaboração neste blog após mais um goleada do meu SLB...
Começa a ser difícil os adeptos não entrarem em euforia após os resultados, mas principalmente devido às exibições que a equipa da Luz tem feito. Ontem ao final da tarde, com uma moldura humana considerável, mais uma excelente exibição, cheia de vontade de brindar os adeptos com golos e espectáculo.

É caso para dizer que assim dá vontade de que nunca mais acabe o jogo... É uma delícia para os olhos as arrancadas de Saviola ou Di Maria, o jogo fino de Ramires ou a eficácia de Javi Garcia. Fantástico também ontem Luisão no eixo da defesa e muito boa a estreia oficial a titular de César Peixoto.

Esta equipa do Benfica pode não chegar para ser campeã nacional, mas sinceramente já nos permite a nós benfiquistas sonhar que é possível. E com o nível exibicional que apresentam, Vale a pena sonhar!...

5 comentários:

eagle rulllezzzzz disse...

BENFICAAAAAAA!!! JESUS É GRANDE!!!

Anónimo disse...

Que equipão que temos este ano! Este ano o fcp ja nao vai ganhar a vontadinha...

Alexandre disse...

Estamos muito melhor do que no ano passado, não haja duvida, mas tivemos a sorte do jogo. Logo aos dois minutos podiamos tar a perder e a seguir ao intervalo até foi o Belem que começou melhor. Por isso calma, que isto ainda vai no principio, e temos de ter cuidado porque tá visto que entradas a matar sobre o Di Maria não são punidas (o Mano só lhe deu duas pazadas de o levantar do chão).
Mesmo assim, tou confiante e como diz aqui o camarada, dá direito a sonhar...

Saudações benfiquistas

Anónimo disse...

Força Benfica!!! Foi muito lindo ver um estádio adversário quase cheio com os nossos adeptos. Assim ninguem nos pára!

DG

Figueiredo disse...

A serem levados ao colo tb eu! Além dos penaltis em todos os jogos para ajudar hà festa, agora são os golos em fora de jogo que n sao invalidados. Tá tudo feito. Entreguem-lhes já o titulo que nós depoisvoltamos a conquistar mais meia-duzia. E depois os corruptos somos nós